O presidente do Sinduscon-MA e vice-presidente da FIEMA, Fábio Nahuz, acompanhou ontem a vacinação na empresa DPL, terceirizada da Equatorial Energia (Fotos/Divulgação)

 

Os trabalhadores da construção civil, grupo que foi incluído como prioritário no Plano Nacional de Imunização (PNI), já estão sendo vacinados contra a Covid-19, bem como outros segmentos da indústria no Maranhão.

Vacinação começa no local de trabalho para indústria

O presidente do Sinduscon-MA, Fábio Nahuz, que também é vice-presidente da Fiema, comemora e lembra ainda que o SESI, que integra o Sistema Fiema, fez uma parceria com o Governo do Estado para apoiar na logística dessa etapa de imunização que vai atender todos os trabalhadores deste setor. Segundo Diogo Lima, superintendente do SESI-MA, vai funcionar assim: cada indústria enviará um e-mail para supersesi@fiema.org.br com o seu nome, CNPJ, localização e lista de funcionários.

Em seguida, o SESI vai validar essa lista com a saudegovma para inserir a empresa no cronograma de vacinação. Lembrando ainda que será feita uma planilha e a saudegovma enviará um e-mail para a empresa com o agendamento da vacinação.

Outros setores

No início desta semana, o Governo deu continuidade à vacinação na indústria alcançando as empresas gráficas, incluindo as de comunicação/jornalismo, abrangendo todos os setores – televisão, rádio, web, jornais, assessorias de comunicação; e também, todos os profissionais – do jornalista/comunicador até atividades auxiliares como porteiro, secretário, gráficos, serviços gerais, dentre outros trabalhadores.

Nesta primeira etapa, a vacinação da categoria inicia pelas empresas. Quanto aos autônomos, será tratado junto às Comissões Intergestores Bipartite (CIB) – órgãos vinculados às Secretarias Estaduais de Saúde – e os processos de vacinação caberão às prefeituras.

REVEJA AQUI OS PROCEDIMENTOS

Gostou? Compartilhe!
Share on Pinterest
Compartilhe com um amigo(a)










Enviar