O autor Miguel Matos, que nesta obra reúne mais de 200 personagens associados ao Direito (Fotos/Divulgação)

 

Acabo de receber um exemplar da publicação “Código de Machado de Assis”, que aborda o escritor brasileiro mais estudado a partir de uma perspectiva inédita, destacando a numerosa presença de advogados, desembargadores e bacharéis de Direito, entre outros personagens do meio jurídico.

Seu autor, Miguel Matos mostra que a obra de Machado é muito infuenciada pelo Direito. Aliás, o célebre enigma sobre a eventual traição de Capitu, em Dom Casmurro, tem uma solução jurídica. Além disso, mostra que Machado trata de questões bem atuais, como feminicídio, corrupção, descriminação de gênero, homoafetividade, violência policial, etc.

A obra tem o formato de um código jurídico, dividido em capítulos, artigos e incisos. O autor também traz dados inéditos sobre a vida de Machado de Assis. O livro ainda traz várias ilustrações e QR Codes para uma melhor experiência do leitor com as imagens dos jornais antigos.

A apresentação é feita pelo ex-presidente da República do Brasil e ex-senador, José Sarney, também membro da Academia Brasileira de Letras, que escreveu:  “O livro de Miguel Matos — Código de Machado de Assis: Migalhas Jurídicas —, sob o título talvez despretensioso, acumula um verdadeiro tesouro para o leitor que se interesse pelo Direito ou queira simplesmente saborear a obra de Machado e aprender a ‘combinar as regras do direito universal com as do pátrio costume”

Já o prefácio vem assinado por Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal Trecho, que diz: “O Código de Machado de Assis é diferente de tudo o que já foi publicado. A despretensão, confessada modestamente pelo autor, não é capaz de encobrir a extensão, a profundidade e a riqueza da pesquisa, com sua característica inédita: localizar na extensa obra machadiana – romances, contos, poesias, crônicas e mais – cada migalha jurídica, documentando a in­ uência que o Direito exerceu sobre o notável escritor.”

A obra “Código de Machado de Assis – Migalhas Jurídicas”, 1ª edição, foi publicada pela Editora Migalhas, 2021. Nas livrarias, físicas e virtuais, a obra impressa, está a venda ao preço de R$ 184.60. Já a digital: R$ 57,30.

Gostou? Compartilhe!
Share on Pinterest
Compartilhe com um amigo(a)










Enviar