Profissionais da saúde são homenageados em mural do artista visual Gil Leros

Nedilson Machado
Profissionais de saúde foram homenageados pelo artista visual Gil Leros (Foto: Arquivo pessoal)

 

Foram sete dias de trabalho intenso e uma grande equipe diretamente envolvida no projeto artístico ambicioso que transformou as escadarias do Centro Social dos Servidores Públicos do Maranhão (Ipem), na Avenida Litorânea, em um belo mural em homenagem aos profissionais de saúde, que há quase um ano travam uma batalha cotidiana conta a pandemia da Covid-19. A arte em questão é assinada pelo artista visual Gil Leros, já conhecido do público maranhense por ter repaginado, com a arte do grafite, o Beco do Silva, no Centro Histórico de São Luís.

“Foi bem corrido e cansativo. O mural foi feito em sete tardes e sete noites. A gente começava 16h e ia até às 2h da madrugada. Para mim como artista foi muito importante fazer essa homenagem. Retratar esses profissionais na paisagem da cidade, faz com que as pessoas consigam perceber e lembrar a existência dessa luta que eles estão travando”, explica Gil Leros.

Projeto artístico transformou as escadarias do Centro Social dos Servidores Públicos do Maranhão (Foto: Arquivo pessoal)

 

A homenagem é fruto de uma iniciativa conjunta das Secretarias de Estado da Cultura (Secma) e da Saúde (SES), que abraçaram a ideia original de Leros. O artista se inspirou em outros painéis pintados mundo a fora, com artes de rua sobre a luta dos profissionais de saúde contra a pandemia.

“Quando começou a pandemia e a movimentação dos grafiteiros em outros países do mundo, com grandes muralhas e homenagens, eu tive a ideia de tentar fazer isso aqui. Foi bem no auge da pandemia quando eu fiz a proposta. Inicialmente o projeto ficou meio de escanteio porque eles [a gestão estadual] estavam no frenesi da pandemia, tendo que construir hospitais e mais leitos, mas no final do ano o [secretário de Saúde] Carlos Lula me chamou”, relata o artista. (Fonte/Governo do Estado)

MARCADO:
Compartilhe este artigo