Mais de 1,5 milhão de passageiros já embarcaram ou desembarcaram no Maranhão este ano

Nedilson Machado
Centro de Atendimento ao Turista no Aeroporto de São Luís: a circulação esperada é de 135 mil passageiros, ou seja, aumento de 4% em comparação ao fluxo de dezembro de 2022 (Foto/Divulgação)

 

As férias e as comemorações de Natal e Ano Novo formam o combo perfeito para abrir mais uma alta temporada para o turismo. E o ponto de partida não poderia ser melhor. O ano de 2023 se revelou positivo para o setor, em levantamentos feitos pelo Observatório do Turismo do Maranhão (Obstur-MA), rede de dados coordenada pela Secretaria de Estado do Turismo (Setur-MA).

De acordo com o Observatório do Turismo, de janeiro a outubro deste ano, o fluxo aéreo (que soma o número de embarques e desembarques), foi de 1.525.465 passageiros nos três principais aeroportos do estado localizados em São Luís, Imperatriz e Barreirinhas. Mesmo sem considerar os meses de novembro e dezembro, o quantitativo já supera o registado em todo o ano de 2022, quando o total foi de 1.522.495 passageiros.

O destaque ficou para o mês de julho, com 191.195 embarques e desembarques em solo maranhense. Só pela porta de entrada do Aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado, na capital, circularam 161.599 passageiros. Aumento que passa de 9%, em comparação com o mês de julho do ano anterior, quando 147.020 pessoas passaram por lá.

“O fluxo aéreo tão expressivo se deve não só às férias do meio do ano, mas, sobretudo, à estratégia de prolongar as festas juninas, tornando o São João do Maranhão o mais sombrio e, portanto, o maior São João do Mundo, como o Governo do Maranhão fez questão de divulgar. A fórmula deu certo para o Turismo e, consequentemente, na geração de emprego e renda para a nossa população!”, avaliou a secretária de Estado do Turismo, Socorro Araújo.

“Nosso ponto de partida para a alta temporada de dezembro, sem dúvida, é muito melhor do que o do ano passado, considerando todo o cenário e o momento atual do turismo maranhense. Temos visibilidade nacional nas feiras e eventos que são as principais vitrines do setor, divulgamos nossos destinos turísticos, conquistamos o incremento da malha aérea e aguardamos com otimismo que o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses se torne Patrimônio Mundial pela Unesco, sem falar que ele foi considerado o 2º mais bonito do mundo em avaliações de clientes e especialistas em viagens”, completou Socorro Araújo, demonstrando entusiasmo.

Outro detalhe importante que serve de estímulo ao turismo é a abertura da programação de Natal do Governo do Maranhão na capital. As luzes, cores e decoração já contaram com vários pontos turísticos da cidade, como: o Palácio dos Leões, Praça Dom Pedro II, Centro Histórico e Praça Deodoro. Para além da diversão, a época oportuniza renda a toda a cadeia produtiva que abrange os vendedores de lanches aos donos de hotéis e pousadas.

Até mesmo os Centros de Atendimento ao Turista (CATs), da Setur-MA, que recebem o público no aeroporto de São Luís e na Rodoviária, locais estratégicos, já estão decorados. Pelo modal aéreo, a circulação esperada é de 135 mil passageiros, ou seja, aumento de 4% em comparação ao fluxo de dezembro de 2022. Na rodoviária, a expectativa é fechar 2023 com pelo menos 30% de aumento da movimentação.

Pesquisa de Ocupação Hoteleira

Outro indicador avaliado pelo Observatório do Turismo do Maranhão é a Taxa de Ocupação Hoteleira de 2023. No apanhado de 10 meses do ano, de janeiro a outubro, a taxa de ocupação hoteleira em São Luís beirou os 70%, média exata de 68%. Já o melhor indicador foi registrado na região dos Lençóis Maranhenses no mês de julho, quando 90% das vagas dos hotéis estavam reservadas. Na Chapada das Mesas, o mês com maior taxa de ocupação hoteleira foi abril, chegando também aos 90%. Enquanto na região do Delta, a taxa atingiu 72% em agosto, o melhor resultado do período avaliado.

Maranhão no Insta

A pesquisa ‘MA no Insta’ apresenta os dados da rede social Instagram sobre os locais mais postados, atrativos mais marcados, entre outras informações.

Em novembro, os locais mais postados com as hastags #maranhãodeencantos, #meumaranhão e #materradeencantos foram: Lençóis, Fronhas e Pequenos Lençóis (31%); Atrativos Históricos e Culturais (30%); Praias, Rios, Lagoas e Ilhas (18%), Cachoeiras, Complexos e Balneários (16%).

No ranking de atrativos mais marcados nos posts do penúltimo mês do ano, os Lençóis Maranhenses ocupam o 1º lugar, seguidos do Centro Histórico de São Luís. Enquanto São Luís, Barreirinhas, Carolina, Santo Amaro, Riachão e Tutóia foram as cidades com maior número de marcações, respectivamente.

Compartilhe este artigo